“Agências estão com uma arma apontada para a cabeça”

23 06 2009

_

redes_sociais

“O mundo já passava por mudanças quando a crise chegou. A solucão agora é a inovação digital e a criatividade”. Essa é a declaração de Nigel Morris, fundador do grupo Isobar, que falou hoje para grande plateia em Cannes. Para ele, o digital será cada vez mais importante na comunicação e as agências devem se tornar 100%, caso contrário, “estarão mortas.”

Morris diz que chegou uma nova era em que as agências estão com “armas apontadas para a cabeça”. Logo, um novo modelo é buscado pelo qual a entrega para o cliente é diária, seguindo a demanda de consumidores que exigem resposta também imediata das marcas. Ainda de acordo com o fundador do Isobar, as empresas devem pensar de forma diferente e abandonar o trabalho na forma linear. Para ele, o formato propõe sempre uma mesma lógica, o que inviabiliza novos pensamentos.

Uma pesquisa feita nos EUA ainda foi apresentada na palestra. Segundo os dados, 52% dos consumidores ainda são fiéis às suas marcas e 72% das buscas feitas na internet foram estimuladas por algum impacto publicitário.

fotostwitter

Fonte: Adnews
* Por Daniel Rosa e Marcelo Gripa, direto de Cannes, França

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: